Architecture for Voice, Video and Integrated Data

Cisco Unified Communications

Unified Computing System – Overview de virtualização

Posted by gvillarinho em 22/05/2012


UCS, Unified Computing System, é o novo ( não tão novo ) caixa que a Cisco está fabricando de alta performance para ambientes virtualizados.

Mas que raios estou colocando virtualização em um blog de UC ?
Simples, uma das grandes vantagens de se adquirir o UCS é poder realizar um deploy de diversas soluções de UC em uma mesma caixa, lembrando sempre seu limite de hardware para não haver “sobreposição de recursos”. Por exemplo, com um UCS-C Series 210-M2 (explicarei mais abaixo) podemos subir uma média de 6 a 8 aplicações de UC tranquilamente.

O que é virtualização ?
Virtualização é um conceito de separar o vinculo que temos que instalar um Sistema Operacional/Aplicação em uma maquina física, instalando assim o Sistema Operacional/Aplicação em uma maquina virtual. Imagine que você possui uma empresa e precisa subir um servidor de e-mail , um servidor de arquivos, um servidor de impressão, um servidor para proxy e/ou muitos outros, você iria precisar de pelo menos neste cenário uns 4 servidores, assim ocupando espaço no seu rack, infraestrutura e energia elétrica. Bem, com a virtualização poderíamos subir todas essas aplicações em uma única caixa física.

Como a “coisa” funciona ?
Assim que você está com seu servidor novinho para utilizar virtualização nele, você instala o Sistema Operacional que controlará todos os recursos e maquinas virtuais, este é chamado de HOST OS. No ambiente de UCS da Cisco, está homologado a utilização do Vmware ESXi 4.0, 4.1 e 5.0(está ultima versão 5.0 não recomendo ainda até a data em que este post foi escrito, pois algumas aplicações de UC não suportam, então minha sugestão é utilizar a versão 4.1).

Depois de instalar o HOST OS, partimos para a criação das maquinas virtuais, podemos criar tanto manualmente, podendo assim escolher quantos cores de processador, memoria e espaço em disco iremos utilizar, quanto templates prontos chamados de OVA (Open Virtualization Archive, este nome pode ser exclusivo ou conceituado pela VMWARE, não tenho certeza, pois foi à única solução que tenho conhecimento). Depois de criar as maquinas virtuais, iremos instalar o Sistema Operacional/Aplicação que chamamos de GUEST OS e pronto, sua maquina estará pronto para uso.

Cisco UCS

A Cisco dividiu em dois tipos de hardwares, a serie B e serie C, sendo a serie B em Blades e a serie C sendo em rackmount. Tive a oportunidade de realizar um projeto com UCS-C210M2, 2 processadores com 4 núcleos cada, 48GB de memoria RAM e 10 disco de 146GB de HD.

 

UCS-C210M2

Claro que este artigo é apenas um resumo da solução. Para saber mais de UC em ambientes virtualizados acesse http://docwiki.cisco.com/wiki/Unified_Communications_in_a_Virtualized_Environment

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: